Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2011

Ainda dói.

Você não entende; ninguém entende, então por favor, só me abraça. Não diz que vai ficar tudo bem e que amanhã eu vou estar me sentindo melhor. Não promete o que você não pode cumprir; só me tire daqui hoje. Pegue o meu celular, meu computador e os esconde, leve-os para longe de mim, para onde eu não possa vê-los; para um lugar onde não me faça ceder a tentação de voltar atrás. Leve-me desse inferno, desse buraco. Deite comigo em uma cama e me abraça, limpe minhas lágrimas e diga que eu posso chorar, que eu posso desabar. Diz que minha dor é sua também, por favor, que eu não sofro sozinha. Dói muito, aliás, eu nem sei o quanto dói, não sei o quanto sou capaz de sentir e se sou capaz de suportar. Eu queria só que você entendesse que eu não consigo sozinha e que eu precisava de você aqui, então só fica comigo, por uma noite… fica comigo só até parar de doer, se é que vai parar. Eu preciso tanto disso hoje, preciso tanto da sua calma, da sua alma, do seu carinho. Eu preciso tanto do seu …
As vezes eu me pergunto se você pensa em mim antes de dormir, me pergunto se você fica pensando no que dizer para mim quando vai me ver, criando diálogos fantasiosos em que acabamos juntos no fim, me pergunto se você escuta alguma música e pensa em mim, me pergunto se você pensa coisas engraçadas para me dizer só para ver meu sorriso, me pergunto se você já me viu e pensou como eu estava linda, me pergunto se você passa várias horas na escola pensando em mim, me pergunto se seu dia fica melhor quando você fala comigo, me pergunto se você já olhou para mim enquanto eu não estava olhando para você. Provavelmente não, mas saiba que eu já.
Sabe qual é o problema de ir e depois voltar? Por mais que você queira voltar, a dor te lembra de tudo o que foi e pode vir a ser novamente, você ama com toda sua alma, mas ela já está tão machucada das idas e vindas que não suporta mais, então como já dizia a música ” Cuide bem do seu amor, seja ele quem for(…)” Porque um dia, ele pode não voltar mais.